Principal Notícias MS deve colher 49,7 milhões de toneladas de cana-de-açúcar na safra 2017/18

MS deve colher 49,7 milhões de toneladas de cana-de-açúcar na safra 2017/18

CANA CAPA SIFEMS

Mato Grosso do Sul deve colher 49,79 milhões de toneladas de cana-de-açúcar na safra 2017/18, estimou, nesta terça-feira (19), a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento). O volume é ligeiramente menor que a produção deste ano, de 50,29 milhões de toneladas. A queda é de 1%, abaixo da retração em todo o País, de 3,3%. A redução da produção de cana em Mato Grosso do Sul decorre da previsão de menor produtividade.

A área deve aumentar em 7,5%, de 619 mil hectares para 665,4 mil hectares. No entanto, há projeção de diminuição de 7,9% na produtividade, de 81.251 quilos por hectare para 74.835 quilos por hectare. De acordo com a Conab, esse cenário se relaciona a intempéries, especificamente à queda de granizado e forte geada em julho, considerada uma das maiores dos últimos 15 anos. Essa situação forçou a antecipação da colheita. "A partir de outubro as chuvas se regularizaram, favorecendo o crescimento da cana-de-açúcar que já foi colhida", acrescentou a companhia.

"Em relação aos ataques de pragas e doenças, não houve relatos sobre níveis de infestação que comprometessem a produtividade das lavouras", informou a Conab. "As principais pragas que atacam as lavouras são a broca, contida principalmente por controle químico, e a cigarrinha, controlada principalmente através de controle biológico, estão dentro dos níveis aceitáveis de população, visto que que o uso de novas variedades e mudanças no manejo têm contribuído para um bom controle", acrescentou.

"O bicudo da cana-de-açúcar também tem sido um problema nas lavouras. A praga ataca as plantas, reduzindo o vigor vegetativo, além de causar perdas qualitativas nas lavouras. O controle normalmente tem sido feito com o corte da palha na linha das soqueiras e com a aplicação de inseticida", detalhou a Companhia.

Em todo o País, a produção de cana-de-açúcar da safra 2017/2018 deve chegar a 635,59 milhões de toneladas, com um recuo de 3,3% frente às 657,18 milhões da temporada anterior.

Fonte: CGNews

 

Adicione seu comentário. Participe!

ATENÇÃO
 
Os textos inseridos são de inteira responsabilidade daqueles que os postam.
O SIFEMS se isenta de toda e qualquer responsabilidade nos comentários publicados por seus filiados, por vez que se limita a ser mero veinculador do texto publicado. Os textos que forem inseridos por seus filiados serão automaticamente publicados, não sendo realizado qualquer moderação. Contudo alertamos que se forem utilizados textos ofensivos ou mesmo utilizado de forma pejorativa, o SIFEMS editará ou excluirá o mesmo, entretanto após a sua publicação. Entretanto os textos inseridos por não filiados dependerão de moderação para serem publicados.

Diretoria de Publicidade


Código de segurança
Atualizar


A CARREIRA DE FISCAL


frederico fundo


Fiscal
Estadual
Agropecuário


Entre e conheça

NAS REDES SOCIAIS


Você também encontra o SIFEMS no

 

 

ico twitter    ico facebook    ico youtube    ico googleplus

Entre e compartilhe