Principal Notícias Colheita do milho avança em 3,4% da área plantada em Mato Grosso do Sul

Colheita do milho avança em 3,4% da área plantada em Mato Grosso do Sul

MILHO FAMASUL CAPA SIFEMS

O milho safrinha já foi colhido em 3,4% da área plantada em Mato Grosso do Sul na primeira semana após o início dos trabalhos, o que corresponde a 56.241 hectares de um total de 1,7 milhão. Segundo boletim da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado), a produtividade média deve permanecer em torno das 68 sacas por hectare já levando em consideração as perdas causadas pela estiagem.

Em relação à safra anterior, a colheita está 1,4% mais avançada, já que nesse mesmo intervalo de tempo, no plantio 2016/2017, 24.388 hectares já haviam sido trabalhados. O serviço está mais avançado nas propriedades da região norte, em torno de 8,5%, enquanto na região central já foram colhidas 2,5% da área plantada e no sul, 2,3%.

Conforme a federação, estima-se redução de 8,2% na área plantada em relação à safra anterior, que passou de 1,8 milhão para 1,7 de milhão de hectares. Essa queda reflete em uma produtividade 29,31% menor, de 9,8 milhões de toneladas para 6,936 milhões de toneladas.

Sem chuva

A estiagem afetou seriamente as lavouras na região sul do estado, que podem ter até 40% de perdas na produção segundo a Famasul. Esse percentual leva em consideração todas as áreas semeadas no estado. Individualmente, alguns alguns produtores não conseguirão colher nada este ano.

Na região norte, as plantações não apresentaram problemas e a produtividade é estimada em torno de 90 a 100 sacas por hectare. Na região sul, a expectativa é de 60 a 70 sacas por hectare. Como essa área é mais expressiva nesse cultivo, deve refletir mais na produtividade total.

Fonte: Campo Grande News / Foto: Famasul

 

Adicione seu comentário. Participe!

ATENÇÃO
 
Os textos inseridos são de inteira responsabilidade daqueles que os postam.
O SIFEMS se isenta de toda e qualquer responsabilidade nos comentários publicados por seus filiados, por vez que se limita a ser mero veinculador do texto publicado. Os textos que forem inseridos por seus filiados serão automaticamente publicados, não sendo realizado qualquer moderação. Contudo alertamos que se forem utilizados textos ofensivos ou mesmo utilizado de forma pejorativa, o SIFEMS editará ou excluirá o mesmo, entretanto após a sua publicação. Entretanto os textos inseridos por não filiados dependerão de moderação para serem publicados.

Diretoria de Publicidade


Código de segurança
Atualizar


A CARREIRA DE FISCAL


frederico fundo


Fiscal
Estadual
Agropecuário


Entre e conheça

NAS REDES SOCIAIS


Você também encontra o SIFEMS no

 

 

ico twitter    ico facebook    ico youtube    ico googleplus

Entre e compartilhe